FANDOM


Punished "Venom" Snake, também conhecido como Big Boss, Ahab, V, ou o fantasma de Big Boss, foi o comandante da unidade mercenária Diamond Dogs, fundada por Kazuhira Miller como uma sucessora da MSF. Enquanto estava no comando, ele reconstruiu a Mother Base e expandiu os Diamond Dogs. Venom Snake conseguiu derrotar a unidade XOF, que havia atacado e destruído a MSF nove anos antes, e se vingou de seu líder, Skull Face.

Biografia Editar

Venom Snake (também conhecido como Punished Snake), é o protagonista do jogo de 2015 Metal Gear Solid V: The Phantom Pain e líder da unidade mercenária Diamond Dogs. Retorna ao campo de batalha após despertar de um coma de nove anos ocasionado pelo incidente de Ground Zeroes, que também resultou na perda de seu braço esquerdo e diversos estilhaços espalhados em todo o seu corpo, um desses estilhaços acabou ficando preso em seu lobo frontal e ocasionando alucinações assim como podemos ver no decorrer do TPP onde em vários momentos ele se enxerga com uma aparência conhecida como Demon Snake onde seu corpo esta inteiramente sujo de sangue e esse estilhaço que está em sua cabeça aprece maior que o normal se assemelhando muito a um chifre, por isso o nome Demon Snake, existem algumas diferenças entre ele e o primeiro Big.Boss ( John a.K.a Naked Snake), a mais notável seria sua aparência drasticamente diferente de John, com um estilhaço em sua cabeça e cicatrizes em todo o rosto, a cor de seu olho também é diferente, verde, diferente de John que tem a cor do olho azul, e em seu tapa-olho, Venom tem um tapa-olho de 3 alças enquanto o de John tem apenas 2.


Ground Zeroes [SPOILER] Editar

Em 16 de março de 1975, um médico foi colocado a bordo do helicóptero enviado para extrair Big Boss, que havia resgatado Chico e Paz Ortega Andrade do Acampamento Ômega em Cuba. Ele foi um dos poucos membros da MSF a ter conhecimento sobre a situação de Paz e Chico, bem como a própria missão.

Durante o vôo de volta à Mother Base, Big Boss ordenou ao médico que desse uma olhada na inconsciente Paz, depois que Chico notou cicatrizes cirúrgicas no abdômen. Suspeitando que uma bomba tinha sido escondida dentro dela, foi forçado a operá-la imediatamente, pois não havia tempo para administrar a anestesia. Removeu com sucesso a bomba do intestino de Paz, apesar de ela estar consciente durante toda a cirurgia, e entregou a bomba para Big Boss, que a jogou no oceano. Paz tinha desmaiado devido à grande dor da cirurgia. O médico conseguiu manter a respiração dela estável e, assumindo que o perigo acabou, costurou o abdômen da garota de volta.

Voltando à Mother Base, Big Boss e o médico se depararam com o seu lar sendo atacado por, sem que eles soubessem na época, a força de ataque da Cipher XOF, a inspeção nuclear na base foi uma armadilha. Durante esse período, Paz despertou e revelou que havia uma segunda bomba dentro dela a ponto de explodir. Sem perder tempo, saltou do helicóptero e a segunda bomba explodiu no meio do ar. O médico protegeu Big Boss da explosão, suportou o impacto da explosão, antes que o veículo atingisse um helicóptero da XOF, que resultou na morte de Morpho, o co-piloto, outro soldado da MSF e Chico.